Refeições Intermediarias na Quarentena.

Lanche na Quarentena : É comum a preocupação dos pais em relação a composição do almoço e jantar dos filhos, todos sabem que no prato da criança de maneira geral, deveria haver arroz, feijão uma proteína, verduras e legumes.

Todavia que, á tarde na hora do lanche na quarentena, ou até mesmo no café da manhã, percebemos que a criança não tem uma boa qualidade alimentar.

Isso porque as opções de lanches rápidos oferecidos pela indústria e sua facilidade de acesso, favorece o consumo de alimentos não muito saudáveis.

Acontece que muitos acham que esse “lanchinho” pode ser composto por qualquer “coisa”, não dando a devida importância para essa refeição.

Mas assim como as refeições principais, os lanches na quarentena intermediários oferecidos as crianças devem ser compostos por alimentos de boa qualidade, evitando o consumo excessivo de:

  • Açúcar,
  • Gordura saturada,
  • Alimentos industrializados e
  • Pobres nutricionalmente.

Porque o consumo diário desses alimentos “inofensivos” ao olhos de alguns, contribuem para o aparecimento de doenças ainda na infância como: hipercolesterolemia, aumento da glicemia, hipertrigliceridemia.

 

A composição dos lanches é de suma importância, uma vez que são oportunidades para o preenchimento dos requerimentos nutricionais das crianças, que por estarem em período de crescimento e desenvolvimento, precisam de aporte nutricional adequado.

Agora na quarentena, a criança fica mais tempo ociosa, e em frente aos aparelhos eletrônicos, como televisão, computador, celular e tabletes, essa ociosidade gera na criança vontade de comer, e não necessariamente a fome em si.

Assim como, o hábito em comer enquanto assisti pode contribuir para formação de maus hábitos alimentares, afinal os alimentos consumidos nesses momentos costumam ser pobres em vitaminas e minerais e ricos em gorduras ruins e açúcares.

Portanto não podemos deixar de destacar o sedentarismo nesta fase, que vem favorecendo ao ganho de peso das crianças.

Um estudo recente realizado em 2019 diz que á uma associação entre o consumo de lanches em frente de telas e a menor qualidade da dieta da criança.

Por isso, assim como nas demais refeições, devemos atentar a composição dos lanches intermediários.

As frutas, sucos naturais, bolos caseiros integrais, iogurtes, vitaminas de frutas, queijo branco, tortas de legumes são boas opções para compor essas refeições.

 

Pensando nisto, nossa nutricionista Keila Baena, desenvolveu um e-book com opções para 4 semanas completas de lanches saudáveis para as crianças.

De antemão, lá você encontra o passo a passo de como organizar cada semana como:

  • Lsta de compras para facilitar sua organização,
  • Orientações de formas de armazenamento dos alimentos para facilitar ainda mais a rotina,
  • Receitas praticas, nutritivas e saborosas.
  • Além disso você ainda encontra no e-book dicas de como envolver a criança nas preparações, para que ela possa ajudar nas receitas contribuindo para o despertar do interesse do consumo de alimentos saudáveis,

Para acessar o e-book basta entrar no link descrito na “bio” do instagram http://@keilabaena_e adquira o seu!

Desta forma, aproveite a quarentena onde as crianças ficam mais tempo em casa, e melhore os hábitos alimentares.

Incentive e estimule o consumo de alimentos mais saudáveis!

Invista na saúde do seu filho

Duvidas entre em contato!

Fontes: https://ganepeducacao.com.br/influencia-de-lanches-intermediarios-na-qualidade-da-dieta-e-prevencao-de-obesidade-infantil/

Firberg M, et al International Journal of Nutrology, v.8, n.4, p. 58-71, Set / Dez 2015

 

WhatsApp chat